BCI apoia “O Poder do Network” da ANJE

6.853

- Publicidades -

O BCI e a Associação Nacional de Jovens Empresários formalizaram na terça-feira, um protocolo que oficializa o apoio do Banco ao programa “O Poder do Network”, a ter lugar brevemente na capital do país.

O memorando foi rubricado pelo Presidente da Comissão Executiva do BCI, Francisco Costa; pelo administrador do Banco, George Mandawa, e pelo Presidente da Associação Nacional de Jovens Empresários (ANJE), Lineu Candieiro.

Francisco Costa frisou, na sua intervenção, que o acordo ora firmado era mais um dos exemplos concretos da acção directa do BCI como Banco de apoio às iniciativas juvenis.

“É claro o posicionamento do BCI, no que respeita ao reconhecimento do papel e importância estratégica dos Jovens em todos os sectores e níveis da actividade económica em Moçambique”, disse.

E prosseguiu: “para nós, a atenção que este segmento exige constitui um requisito essencial para o processo de construção de uma economia forte e uma sociedade mais estável e justa, um caminho incontornável para serem atingidos os objectivos de desenvolvimento internacionalmente acordados, no âmbito da sustentabilidade e da inclusão social”.

O Presidente da ANJE, por seu turno, reconheceu os laços históricos que sempre juntaram o BCI e a ANJE, e o esforço que o Banco tem feito em prol do empresariado nacional, em especial o juvenil. “O BCI mostra que é possível ser grande e apoiar mais empresas, mais jovens. Sentimo-nos parte do BCI, somos daqui. Somos apoiados por empresas daqui”, afirmou.

Tido como um dos maiores eventos de networking do mundo, este programa, pioneiro em Moçambique, está projectado para reunir milhares de participantes, destacando-se empresários, empreendedores e profissionais provenientes de diversos quadrantes do mundo.

Serão, assim, compartilhados conhecimentos, experiências e estratégias, tendo em vista impulsionar o crescimento de negócios e proporcionar novas oportunidades.